Beleza e criatividade são destaque em exposição de peças produzidas por alunas da FWF

Capricho e dedicação são características facilmente notadas nas peças artesanais produzidas pelas alunas dos cursos de Bolsa Artesanal e Corte e Costura do Centro de Capacitação do bairro Parque Alvorada, zona norte da capital. As peças, em exposição durante essa quarta-feira (09), são resultados do trabalho em conjunto das alunas e instrutoras que, ao longo de três meses, trocaram experiências e conhecimento. Ao todo, 40 alunas concluíram os cursos.

Maria do Socorro Pinheiro, instrutora do curso de Corte e Costura oferecido pela Fundação Wall Ferraz em parceria com a Fundação João Alves de Deus (Funjad) ressalta a importância do curso para a comunidade e a empolgação das alunas: “Eu fico bastante feliz em ver as peças prontas, em ver a alegria das meninas em aprender algo novo e em saber que todas estão prontas para trabalhar na área”.

Os cursos oferecem além de qualificação profissional, inserção no mercado de trabalho e oportunidade de empreender. “Essa exposição faz parte do projeto de qualificação profissional e empreendedorismo feminino visa geração de renda e beneficiou mulheres que agora terão oportunidade de trabalhar no mercado formal ou mesmo de maneira autônoma confeccionando seus produtos”, explica a Gerente de Capacitação da Fundação Wall Ferraz, Thayse Aguiar.

Vilna Loureiro, aluna de Corte e Costura, foi diagnosticada com câncer metastático em 2013 e viu no curso uma chance de se capacitar, aumentar a renda e também sua autoestima. “O curso é muito bom e no meu caso além de me proporcionar ter uma renda eu aumentei a minha autoestima e vontade de viver. Participar dessa atividade em grupo só me fez bem”, diz.

A parceria entre a Fundação Wall Ferraz e Funjad já está no quinto ano e garantiu ingresso no mercado de trabalho para mais de 400 jovens e adultos teresinenses.