Capacitação profissional chega a vários bairros da capital

Foto: Renato Bezerra

Levar qualificação profissional ampla e democrática e contribuir para manutenção e inserção dos trabalhadores teresinenses no mercado de trabalho é um dos grandes objetivos da Fundação Wall Ferraz. Somente neste primeiro semestre 21 bairros em todas as zonas da capital foram beneficiados com cursos profissionalizantes que contemplam as áreas de artesanato, alimentação, beleza e estética, gestão e negócios, ambiente e saúde.

Poty Velho, Dirceu I, Cerâmica Cil, Piçarreira e mais 17 bairros receberam cursos de capacitação do Programa Profissionalizar Teresina, que de março a julho de 2018 já abriu mais de 800 vagas para qualificação profissional. Entre os cursos mais procurados pela população estão Operador de microcomputador, Cuidador de idoso, Assistente administrativo e todos na área de artesanato e alimentação.

“O objetivo da Fundação Wall Ferraz é levar formação profissional às diferentes pessoas, comunidades, bairros, inclusive na zona rural de Teresina. Desta forma, tornamos acessíveis novas oportunidades de melhoria de vida através do aprendizado e capacitação profissional, de modo que depois de qualificados os alunos tenham novas perspectivas de inserção no mercado de trabalho”, pontua Nilza Melo, presidente em exercício da Fundação Wall Ferraz.

“Estou muito feliz em participar de um curso da Fundação Wall Ferraz, pois eu já trabalho na área realizando eventos da minha própria família. Após o curso vou poder expandir minha área de atuação”, afirmou Dalva Sousa, aluna do curso de Organizador de Eventos.

Desde sua criação, a Fundação Wall Ferraz oferece de maneira gratuita cursos de capacitação profissional com base nas demandas propostas pelo mercado, contribuindo para melhor inserção profissional dos alunos. A FWF desempenha ainda diversos projetos que contribuem para a inserção no mercado de trabalho, geração de renda e empreendedorismo.

Um desses programas é o Profissionalizar Teresina, que oferta qualificação gratuita através de ações planejadas com base nas demandas do mercado local e vocação das diferentes comunidades. Os cursos são realizados nos Centros de Capacitação e sedes das entidades parceiras e visam consolidar uma política de geração de emprego e renda.

 

Fundação Wall Ferraz estuda utilização da ferramenta Colab.re

Em tempos em que a população busca cada vez mais a praticidade no dia a dia e a rápida resolução de suas demandas, a Fundação Wall Ferraz, juntamente com a equipe técnica da Secretaria Municipal de Planejamento e do Colab.re se reuniram na manhã desta quarta-feira, 11, com o intuito de estudarem maneiras de utilização da ferramenta pela instituição.

O Colab.re tem sido utilizado pela Prefeitura de Teresina desde 2014 e é uma ferramenta criada com o objetivo de conectar pessoas que desejam reportar e divulgar demandas de suas respectivas regiões, servindo como ponte entre a população e o poder público.

Na Fundação Wall Ferraz, a ferramenta será utilizada principalmente para divulgação de assuntos relacionados a qualificação profissional e mercado de trabalho.  Também está sendo estudada a possibilidade da população utilizar a ferramenta para se inscrever, nos workshops e oficinas, ofertados pela Fundação, através do Balcão do Trabalhador.

“Estamos em um momento de ampliação do trabalho dentro da Prefeitura e estamos fazendo reuniões com as secretarias e instituições para que a gente consiga estender esse serviço de forma orgânica a outros órgãos do município, de modo que essas instituições possam se comunicar mais diretamente com o cidadão”, explicou Dalila Ramalho, coordenadora de projetos do Colab.re.

Usuários de Android e iOS podem baixar do aplicativo do Colab.re em seus smartphones e compartilhar as demandas de seus bairros.