Programa acolhe crianças de pais que estão realizando capacitação

Não ter com quem deixar os filhos na hora de trabalhar ou mesmo de estudar, afasta pais e mães de oportunidades que surgem no mercado de trabalho e também na capacitação profissional. Mas essa situação vivida por muitas pessoas não é uma realidade para os alunos do programa de Capacitação Profissional para Produtividade e Renda, realizado no Centro de Esportes Unificados (CEU Sul), no Portal da Alegria. Uma das ações do projeto é o acolhimento aos filhos dos alunos que estão participando dos cursos profissionalizantes.

No projeto, lançado em julho pela Fundação Wall Ferraz e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH), os moradores do Portal da Alegria VI-B, contemplados com o programa Minha Casa, Minha Vida, realizam cursos de qualificação enquanto os filhos são cuidados por recreadoras e participam de atividades lúdicas, pedagógicas e educativas sobre higiene pessoal, empreendorismo e profissões.

Juliana Abreu, de 34 anos, aluna do curso de Agente de Portaria, tem três filhos e sempre que não tem com quem deixá-los leva as crianças para o Centro de Esportes Unificados (CEU Sul), onde realiza o curso: “É muito bom saber que a gente pode se qualificar enquanto nossos filhos ficam aos cuidados do recreadoras realizando brincadeiras e atividades lúdicas e desenvolvendo a criatividade desenhando e pintando”, pontua a aluna.

“É bom demais saber que a gente pode levar os nossos filhos para o mesmo local onde a gente realiza o curso. A maioria das mães aqui não tem com quem deixar as crianças e esse é um dos motivos que nos afasta dos cursos. Felizmente nós temos essa grande oportunidade de estudar enquanto nossos filhos participam das atividades realizadas pelos recreadoras”, afirma Denise Teixeira, 31 anos, aluna do curso de Vendas e mãe da pequena Ana Cecilia, de cinco anos.

“O programa de Capacitação Profissional para Produtividade e Renda tem o diferencial que a medida em que os pais e mães estão realizando o curso de profissionalização, qualificando suas habilidades para o mercado de trabalho, os filhos estão aos cuidados de recreadoras. As crianças tem o momento lúdico de lazer e recreação direcionada a aprendizagem significativa com aquilo que os pais e mães estão apreendendo em sala de aula”, afirma a presidente da Fundação Wall Ferraz, Samara Pereira.

No projeto, 190 vagas em cursos profissionalizantes foram distribuídas em oito cursos que contemplam as áreas de gestão e negócios, informática e estética e beleza. Ao longo de 2018 as atividades do Projeto de Capacitação para Produtividades e Renda vão beneficiar outras comunidades atendidas pelo Programa Habitacional “Minha Casa, Minha Vida”. Desta forma, centenas de teresinenses residentes destes conjuntos, serão beneficiados, fortalecendo a política de qualificação profissional realizada pelo município de Teresina e constituindo uma ferramenta para que as famílias possam conseguir qualificação para o mercado de trabalho e geração de renda através de atividades autônomas e empreendedoras.

 

Mães atendidas pelo projeto Amor de Tia participam do curso de manicure

Vinte mulheres atendidas pelo projeto Amor de Tia estão participando do curso de Manicure e Pedicure ofertado pela Fundação Wall Ferraz. A nova parceria com a Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres deve contribuir para que as atendidas pelo projeto sejam incluídas no processo de capacitação e qualificação profissional do município. A oferta do curso visa ainda aumentar a expectativa na vida profissional, financeira e na autoestima de cada uma dessas mães.

“Um dos nossos pilares é inserir. Então qualificar essas mulheres que em algum momento passaram por situação de violência e vulnerabilidade social vai proporcionar que elas aprendam uma profissão e possam trabalhar até mesmo de maneira autônoma. Trabalhamos com uma equipe de instrutores sensibilizados com a demanda desse público, que favorece o ótimo desempenho e processo de aprendizagem das alunas”, pontua a Gerente de Capacitação da Fundação Wall Ferraz, Thayse Aguiar.

O curso faz parte do Projeto Profissionalizar para Inserir, que tem como principal objetivo qualificar públicos e segmentos em situação de vulnerabilidade e risco social oportunizando capacitação e qualificação profissional voltada para inserção no mercado de trabalho, empreendedorismo e autonomia produtiva. Ao final, as mães receberão certificado com caga horaria de 60h.

O projeto Amor de Tia atende mulheres em situação de violência e promove apoio na reconstrução da sua autonomia através do atendimento, acolhimento, atenção e desenvolvimento psicossocial a seus filhos de um ano a dois anos e nove meses. O programa funciona no Centro de Convivência Saber Viver, bairro Matadouro, zona Norte de Teresina.

 

Fundação Wall Ferraz realiza Ação de Cidadania especial no mês das mães 

As ações de cidadania do mês de maio serão especialmente dedicadas às mães. Serviços que promovem a beleza, desenvolvimento de habilidades artísticas e proporcionam bem-estar e integração social com a comunidade serão levados para os Centros de Capacitação dos bairros Itaperu, Poty Velho, Parque Brasil, Leonel Brizola, Redenção e Piçarreira no próximo sábado, 19, de 8h às 12h.

“As atividades de cidadania levam serviços que valorizam o cuidado pessoal, contribuindo para a elevação da autoestima e despertando habilidades muitas vezes desconhecidas por essas mulheres durante a realização das oficinas produtivas”, pontua a presidente da Fundação Wall Ferraz, Samara Pereira.

Raimunda Teixeira, Chefe do Centro de Capacitação do bairro Poty Velho reforça a importância de levar serviços especiais às mães teresinenses: “A população sempre abraça esse tipo de ação, porque envolve a comunidade e todos podem ter acesso a serviços de qualidade e gratuitos. E essa ação é mais que especial pois é em homenagem as mães de Teresina”, ressaltou Raimunda, que em parceria com outras instituições vai ofertar Limpeza de pele e oficina artesanal de colares de cerâmica na Ação de Cidadania deste sábado.

Todas as ações, oficinas e cursos promovidos pela Fundação Wall Ferraz são gratuitos e promovem cidadania, integração, capacitação e qualificação profissional.